CAMINHO DA FÉ,  PEREGRINAÇÕES

Caminho da Fé a pé | 10 dicas de sucesso

Acredito que uma viagem deve acontecer no fluxo e, para isso, precisamos permitir um espaço para o inesperado. Quando se trata de natureza e peregrinação, não existe controle. O que está presente, em verdade, é a prudência. Para realizar uma caminhada de 400 km, seguir orientações, e se planejar, pode minimizar os perrengues, fazendo da experiência algo inesquecível.

A preparação para uma peregrinação como esta começa muito antes do primeiro passo, orientado pelas flechas amarelas. Sendo assim, listamos 10 dicas para que sua jornada pelo Caminho da Fé  seja um sucesso. Continue lendo e descubra.

Mapa do Caminho da Fé

1. Quanto custa e onde retiro minha credencial de peregrino?

A credencial é seu passaporte no Caminho. O custo dela é de 20 reais e pode ser retirada nos pontos de saída, ou seja, na própria pousada credenciada. Em Águas da Prata –  ponto central do Caminho e cidade onde começamos o caminho em 2019 – possuí credenciais à venda.

2. Tudo pronto, vou começar. Mas como sei para onde ir?

Todo o caminho é sinalizado por flechas amarelas que indicam a direção que o peregrino deve seguir.

3. Preciso fazer reserva com antecedência nas pousadas?

Sim, principalmente se estiver em um grupo grande. Algumas pousadas são pequenas e, avisando os proprietários, eles conseguem se organizar melhor.

https://materiais.natrilhas.com.br/pedido-de-orcamento

4. Consigo me virar no Caminho se tenho restrições alimentares?

Sim. Em algumas pousadas o jantar está incluso, sendo assim, avise sobre suas preferências.

Tudo é muito simples. Porém, o contato antecipado pode evitar a calabresa no feijão, a lasanha com presunto e coisas deste tipo. As pousadas que não oferecem jantar são próximas de restaurantes, padarias ou lanchonetes.

Algumas pousadas aceitam cartão, mas são poucas. A grande maioria dos restaurantes nas cidades pequenas não aceitavam cartão. Se não quiser carregar muito dinheiro, leve cartões do Banco do Brasil ou Caixa Econômica, se não tiver conta em nenhum desses bancos, se planeje para não ficar sem dinheiro pelo caminho.

Porém, se sua restrição for muito específica, leve com você snacks e alimentos nutritivos.

5. Quanto devo levar de dinheiro? Os estabelecimentos aceitam cartão?

Praticamente todos os estabelecimentos aceitam cartão de débito ou crédito. Os que não oferecem esta facilidade aceitam o pagamento via transferência bancária.

Para calcular quanto levar em dinheiro, planeje antes seu roteiro e estipule a forma de pagamento para cada hospedagem (selecionando aquelas que oferecem ou não o jantar, já que o café da manhã é oferecido por praticamente todos os estabelecimentos). Após este processo, indicamos o valor de R$30 reais por dia para alimentação e compras diversas.

6. Qual tênis ou bota usar?

Um par testado, amaciado e confortável. Não vá, de jeito nenhum, com calçados novos e nunca usados. Teste antes todo o equipamento.

Algumas marcas indicadas:

7. Como tratar dos pés durante a caminhada?

Assunto polêmico em caminhadas de longa distância. Cada um tem uma maneira particular de tratar ou prevenir bolhas. O que indicamos, itens baratos e fáceis de encontrar, são:

  • Hipoglos: passar nos entre e nas áreas externas dos dedos todos os dias. Espalhar o creme também no calcanhar. A pomada evita o atrito e, consequentemente, as temidas bolhas.
  • Nebacetin: pomada cicatrizante e ótima para tratar bolhas e ferimentos. Faça um pequeno furo com uma agulha e linha, deixe a linha dentro da bolha, drene a água e cubra com a pomada Nebacetin.

8. O que levar?

O mínimo possível. Assista nosso vídeo e aprenda o passo a passo para montar sua mochila 🙂

9. O que é bom levar na farmácia pessoal?

  • Band aid
  • Esparadrapo
  • Remédio para dor muscular da sua preferência, tanto comprimido quanto pomada ou spray.
  • Remédio para cólica
  • Nebacetin
  • Hipoglos
  • Protetor solar (pele e labial)
  • Anti alérgico.

10. Qual mochila levar?

Pequena e com barrigueira confortável. Uma mochila que se adeque ao quadril e alivie o peso nos ombros.

A mochila deve pesar 10% do seu peso corporal.

Marcas que indico:

252 Comentários

Deixe uma resposta para Daniela Cristina da Silva Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *