CAMINHO DE ASSISI,  PEREGRINAÇÕES

Caminho de Assis | Guia de Viagem – Caprese a Assisi

Este é o último post da série Guia de Viagem do Caminho de Assis. Neste trecho, o peregrino vai se encantar com a beleza da Toscana e da região da Emilia-Romana, na Itália. A sensação de alcançar a Basílica de Assisi vai trazer um sentimento de que “tudo valeu a pena”.

7º dia – CAPRESE A SANSEPOLCRO

Distância: 25 km

Dificuldade: Moderado. Aqui já estamos na Toscana e o visual altera das montanhas para as planícies. Por isso mentalmente pode ser um trecho mais cansativo. Resumindo, é longo e vai exigir de você foco para chegar até o seu destino final.

“A vida é um mistério, que somente nos é revelado pelos processos do Amor; quanto mais a gente ama, no quilate do Amor que nada pede, mais ficamos sabendo das coisas escondidas dos que desconhecem essa virtude por excelência.”

São Francisco de Assis

Marcação: Perfeita. Nesse trecho não tem como se perder, até porque se passa por fazendas, rodovias e se vê gente ao redor. Qualquer dúvida, pergunte!

Refúgio: Localizado em um antigo monastério o lugar é imenso e simples. Não tem cozinha e nem café da manhã, mas em Sansepolcro há inúmeras opções de restaurantes e padarias. Também não tem wifi e muito menos aquecedor. Mas como só havia meu grupo ali, e mais um peregrino, usamos vários cobertores.

Dica: experimente a pizza do restaurante italiano bem na esquina do refúgio. Muito barato e foi uma das melhores pizzas que comi em toda a viagem.

8º dia –  SANSEPOLCRO A PERUGIA E, DEPOIS, A VALFABRICA

Esse não foi um dia de caminhada. Como não tínhamos tempo para percorrer o Caminho completo, decidimos pular três etapas e caminhar somente o último trecho: de Valfabrica a Assisi. Ou seja, de Sansepolcro tomamos um trem a Perugia e, de lá, um ônibus até Valfabrica.

Refúgio: o refúgio em Valfabrica é um apartamento com dois quartos, um banheiro, sala de estar, internet e aquecedor. O jantar não estava incluso no valor da diária, mas ela serviu um menu peregrino a uma valor de 12 euros.

9º dia – VALFABRICA A ASSISI  

Distância: 16 km

Dificuldade: Fácil. É o último dia e a sensação se mistura entre um querer chegar ao destino final e, ao mesmo tempo, querer seguir caminhando. Há uma longa e íngreme subida no último trecho.

Marcação: Perfeita. Nesse trecho você começa a ter mais noção de quantos Caminhos de Assis existem.

Refúgio: faça uma reserva com antecedência. Assisi é uma cidade muito turística e quando cheguei lá nenhum dos refúgios sugeridos estavam disponíveis. Entrei em um café para usar o wifi e fiz uma reserva no hotel mais barato através do booking.com, chamado Hotel Roma. Localização perfeita, bem no centrinho da cidade e perto de tudo. Não tem café da manhã, mas, sinceramente, nem precisa. Assisi é uma cidade muito charmosa e repleta de bons restaurantes e inúmeros cafés.

Se você pensa em fazer o Caminho de Assis, não deixe de conferir as dicas da primeira parte desse roteiro. Clique aqui para ler o primeiro post sobre o Caminho de Assis. 

31 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *